David abriu os olhos, a mesma multidão o encarava e o ovacionava, todos pulavam e cantavam ao longe David podia ouvir batidas eletrônicas, olhando para o lado podia se notar que ele estava em um palco e o mesmo sonho em um festival de musica eletrônica, ele olhou para o lado e viu que suas mãos comandavam uma pickup e às vezes se agitavam no alto, pulando. 

 Chad cutucava David.

- Acorda vamos!- ele falava e o amigo começava a acordar.

David despertou e outra vez aquele sonho pairava como um enigma na sua cabeça.

- Pela sua cara de sono e surpresa, suponho que teve o sonho, outra vez!- disse Chad.

David apertou os olhos e se levantou da cama.

- Sim, eu não quero chamar esse sonho de maldito, mas ele já está roubando minha noite!- ele disse.

Chad disse alguma coisa, mas David não escutou e acabou entrando no banho, milhões de pensamentos começaram a passear pela sua mente. Algum dia eu me tornarei a pessoa do sonho? Eu vou conseguir menos chegar lá? Que se dane eu vou tentar.
David arrumou o cabelo, colocou uma roupa, tomou café e desceu as escadas com Chad e depois rumou para a escola.

David caminhou sozinho para sala, Chad tinha parado no meio do caminho para ir ao banheiro, ele chegou à sala e sentou-se com os fones no ouvido escutando sua playlist e jogou o celular em cima da mesa que exibia a capa do Nothing But The Beat. Dez minutos depois a sala começava a encher de alunos e Chad apareceu na porta da sala, ele vinha correndo e empurrando as pessoas com um papel na mão.

- Cara!- ele disse ofegante. – Você precisa ver isso.

David se assustou de primeira, Chad estava ofegante e se jogou na cadeira ao lado enquanto David pegava o papel, que dizia.

 Olá, meu nome é John e estou organizando uma festa no parque da cidade, só que ainda não tenho uma atração principal e estou à procura de bandas, DJs, músicos e etc..
Interessados entrar em contato com
555-0426

 Os olhos de David brilharam, uma oportunidade, ele correu, parou a musica, desconectou os fones e discou o numero e esperou.

- Sim!- disse a voz.

- É. John?- David disse.

- Sim é ele, quem fala?

- Meu nome é David Younks e eu acabei de ver seu anuncio aqui na escola, o senhor ainda precisa de uma atração?

O homem riu.

- Sim é claro, você foi o primeiro que ligou!- ele disse. – Então você é o que? Tem banda, toca?

- DJ!- disse David.

- Nossa legal cara, seguinte, passa aqui no parque depois da escola e nós conversamos ok!

- Sim é claro eu estarei ai!- David disse.

- Até mais!- disse o homem.

David guardou o celular no bolso, Chad estava em pé rindo.

- Ah cara, eu te amo!- David disse dando um abraço no amigo.

 - Ok, cara eu já entendi!- disse Chad.

David se separou e depois a professora entrou na sala e todos sentaram, David sorria daqui algumas horas estaria comentando sobre sua primeira apresentação. Parecia que as horas passavam mais lentas do que o normal, ele olhava para o relógio e para a professora. O sinal toca. David levantou junto com os outros alunos, metade do caminho passado, agora só faltam mais alguns horários. David caminhou para o refeitório junto com Chad.

- Nervoso?- perguntou Chad.

- Não muito, talvez, não sei!- disse David.

Os dois pegaram seus almoços e foram para a mesa, David agora estava com os fones outra vez.

- Não, definitivamente eu estou tenso, mas eu posso disfarçar!- disse David por fim.

Chad riu da amizade tensa, tímida e ao mesmo tempo livre.

- Se controle cara, essa pode ser sua primeira apresentação!- disse Chad.

- Eu sei, é uma possibilidade, mas mesmo assim estou tenso!- David falava.

- Apenas relaxe, respire e pense em outra coisa!- aconselhou Chad.
Os dois comeram, mas para David estava sendo difícil não pensar e ele estava em uma conversa dele com sua mente. Os dois terminaram de comer e voltaram para a sala para as ultimas aulas. 

Quando o sinal tocou David saiu primeiro, até deixando Chad para trás.

- Ei, lembra-se de mim?- Chad gritava tentando alcançar o amigo.

 David chegou rápido ao seu Dodger, entrou, esperou Chad e saiu, para os estudantes que ficavam no caminho ele buzinava loucamente, quando saiu do prédio escolar e alcançou a rua e saiu rumo ao parque.

David descobriu duas coisas, primeiro, ele estava tenso e a segunda, parque de diversões são menos atrativos ao dia. Ele estacionou o carro e desceu com Chad e depois caminharam para a portaria.

- O que querem rapazes?- disse o cara da bilheteria.

- Queremos falar com John!- David disse.

- Ah, estão aqui para a atração?- disse o homem.

- Sim!- David falou.

- Ok, ele fica nos fundos, sigam direto passando pela roda gigante e vão ver um terreno sendo preparado para os shows e avistarão o trailer. – orientou o homem.

- Ok, obrigado!

David e Chad caminharam pelo parque, estranhamente Chad olhava em volta do parque.

- Cara, parques são deprimentes ao dia!- ele comentou.

David passou pela área que estava o palco, que estava quase completo e por um momento se imaginou naquele palco e sorriu e depois avistou o trailer com JOHN escrito nele

- Olha lá!- disse David cutucando o amigo e apontando para o trailer.

- Vamos lá e, por favor, não desmaie!- pediu Chad 

David estava torcendo para isso não acontecer, seu coração acelerava e a respiração diminuía.

- Respire cara, você vai morrer!- disse mais uma vez Chad.
David respirou fundo, pelo menos agora estava calmo e depois bateu na porta.

- Pode entrar!- disse uma voz lá dentro, a mesma voz do telefone.

David e Chad entraram, o trailer era organizado como um escritório, mesa central, cadeiras e uma estante.

- Ah, você deve ser o jovem DJ!- o homem disse.

John era um quarentão conservado, vestia uma camisa social para dentro, jeans e botas.

- Como você sabe?- David perguntou.

- Pela sua camisa!- ele apontou para ela.

 David nem percebeu, mas colocou uma camisa escrita LOVE HOUSE MUSIC.

- Sentem vocês!- ele disse.

Eles sentaram e encararam o homem.

- Então, vamos falar sobre você e musica! O que você sabe fazer com uma pickup?

- Eu não sou um profissional, mas seu fazer algumas coisas sim!- David respondeu.

- Mixar e essas coisas? Acha que conseguiria colocar uma plateia para dançar?

- É claro senhor!- David disse.

- Você tem alguma coisa que demonstre isso?

David pegou o celular e selecionou uma musica que fora mixada por ele, era tipo um, Mix by David Younks. John ouvia a musica e David achava ela muito amadora, mas tinha um ritmo e batida muito boa.

- Você não é nenhum super DJ, mas eu gostei muito da musica!- disse John depois de ouvir dois minutos da musica.

- Então eu estou dentro?- ele perguntou.

- Sim eu gostei de você e da musica e espero que saiba utilizar muito bem o equipamento, eu tive a ideia das atrações musicais há pouco tempo e agora estou colocando ela em pratica!- ele disse.

- Muito boa!

- Então tudo bem, eu vou te dar uma quantia por essa apresentação e nós fazemos divulgação em uma semana, você tem foto e nome artístico?- disse John.

- Foto pode ser essa aqui!- disse David mostrando uma foto em que ele estava de fones mix, até parecia um DJ mesmo.

- Me envie ela!- disse John pegando o celular.

David enviou a foto para o celular de John que depois jogou na mesa.

- E nome?

 David pensou.

- Pode ser DJ Younks mesmo!

 John anotou.

- Então ok, eu farei tudo hoje, a divulgação será feita em uma semana e a apresentação é no domingo, mas você precisa está aqui para passagem de som ao sábado!

- Ok, eu venho!- disse David se levantando.

Reações: